Bolsa Família: Confira o calendário de pagamentos e saiba como receber pelo Caixa Tem

0
95

Beneficiários do Bolsa Família que entraram em 2021 sem saber quando vão receber seu dinheiro podem ficar tranquilos. O governo federal já liberou o calendário de pagamentos do programa de transferência de renda que ajuda as famílias brasileiras que vivem em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

A expectativa é de que o programa passe por uma reformulação este ano, passando a incluir cerca de 200 mil famílias em situação de pobreza. A ampliação do Bolsa Família deve gerar melhorias na vida de mais milhares de cidadãos.

Vale lembrar que os beneficiários do programa agora podem receber e movimentar seu benefício por meio do aplicativo Caixa Tem, a conta poupança social digital da Caixa Econômica Federal. A mudança tem como finalidade acelerar a inclusão bancária dos brasileiros, já que muitos ainda não tinham acesso a uma conta.

Como usar o Caixa Tem

Por meio do aplicativo, o valor do Bolsa Família pode ser sacado, transferido ou movimentado de outra forma. O processo será semelhante ao do auxílio emergencial pago em 2020.

A conta poupança digital é isenta de taxas de manutenção e não exige que o valor seja sacado de uma só vez. Contudo, o limite mensal de movimentação é de R$ 5 mil.

A Caixa Econômica Federal também informou que todo o processo de abertura da conta pode ser feito de forma digital, dispensando a ida a uma agência. Essa digitalização também visa evitar a aglomeração social.

Como baixar o aplicativo

Para fazer o download do Caixa Tem, procure por o app na Google Play Store ou a Apple Store. Em seguida, cadastre-se e insira seu CPF e a senha numérica.

Depois de escolher a função desejada, o assistente virtual vai solicitar alguns dados e te ajudar em todo o processo. Para fazer pagamentos e transferências, você deve identificar seu celular e receber um SMS de confirmação.

Aplicativo Caixa Tem

Confira abaixo as funções disponíveis para beneficiários do Bolsa Família no app Caixa Tem:

  • Cartão Virtual e QR Code: permite compras em supermercados, padarias, farmácias e outros estabelecimentos, sejam eles físicos ou virtuais;
  • Pagar na lotérica: as contas de água, luz, telefone, gás e boletos em geral podem ser pagas pelo próprio aplicativo ou nas casas lotéricas, clicando da opção “Pagar na Lotérica”.
  • Saque: o saldo pode ser sacado com o cartão do Programa Bolsa Família ou Cartão Cidadão;
  • Pagamentos: são permitidos pagamentos e transferências de até R$600 por transação e até R$ 1.200 por dia.

Calendário para utilização do app

O pagamento do Bolsa Família será feito de acordo com o dígito final do NIS, na sequência de 1 a 0. Os primeiros a receber foram os beneficiários com finais 9 e 0.

Os próximos serão os inscritos com NIS de finais 6, 7 e 8. Em fevereiro, é a vez dos beneficiários de NIS com finais 3, 4 e 5.  Já em março, além dos cidadãos com NIS de finais 1 e 2, os Grupos Populacionais Tradicionais Específicos (GPTE) também terão acesso ao benefício. Esse grupo é formado pelas seguintes populações:

  • Indígenas;
  • Quilombolas;
  • Ribeirinhos;
  • Extrativistas;
  • Pescadores artesanais;
  • Comunidades tradicionais;
  • Agricultores familiares;
  • Assentados;
  • Acampados;
  • Pessoas em situação de rua.

É importante destacar que o benefício continuará sendo pago, caso o cidadão assim prefira, via cartão do Bolsa Família ou Cartão Cidadão.

Calendário de pagamentos

Veja abaixo as datas em que serão liberados os saques do Bolsa Família:

Dígito final do NIS Data de pagamento Final 1 18 de janeiro Final 2 19 de janeiro Final 3 20 de janeiro Final 4 21 de janeiro Final 5 22 de janeiro Final 6 25 de janeiro Final 7 26 de janeiro Final 8 27 de janeiro Final 9 28 de janeiro Final 0 29 de janeiro

Leia mais: Confirmado! Município brasileiro pagará Bolsa Família de R$ 450