Bebê nasce em posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em Pocinhos/PB

0
150

O nascimento de uma criança é sempre um evento que enche de esperança amigos, familiares e profissionais que participam do momento. No entanto, muitos casos de nascimento de bebês são especiais por muitos fatores, muitos deles inesperados.

É o caso de Nicolas Gabriel, filho do casal Hélio e Edilene, que residem atualmente no município de Cubatí, no Seridó paraibano, que nasceu na manhã desta sexta-feira (17) no Posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Pocinhos, conhecido como “Posto da Farinha” enquanto o casal trafegava em uma ambulância para a maternidade do Isea, em Campina Grande.

O desejo de conhecer o mundo de Nicolas, no entanto, foi impetuoso ao ponto de não aguentar esperar a chegada à maternidade da Rainha da Borborema, e coube aos oficiais da PRF e do SAMU realizarem o parto, conforme relatou o pai do recém nascido.

“Hoje por volta das 6h da manhã minha esposa começou a sentir as contrações e a bolsa estourou. Fomos para o hospital aqui de Cubati, e de lá fomos encaminhados para Campina Grande. No entanto, sequer chegamos ao ISEA. Próximo ao posto da PRF ela não suportava mais e o motorista da ambulância teve que parar no meio do caminho”.

O parto, por sua vez, foi um sucesso, e lindo e saudável Nicolas veio ao mundo trazendo consigo uma história que, certamente, será contada durante toda a sua longa vida.

Após o nascimento, o bebê e sua mãe foram, enfim, encaminhados à maternidade de Campina onde estão recebendo os cuidados médicos. O estado de saúde de ambos é bom e, em breve, devem receber alta hospitalar.