Auxílio emergencial de R$ 600: Calendário de saque e transferência termina neste sábado, 13

0
147

O calendário de saque e transferência da segunda parcela do auxílio emergencial para quem recebeu via poupança social digital continua. Com o feriado de Corpus Chisti, a liberação para as movimentações tiveram uma pausa. O retorno acontece nesta sexta-feira, 12.

A partir de hoje, poderão realizar saques em espécie e transferências para outras contas os nascidos em novembro. No sábado, 13, será a vez dos nascidos em dezembro, que encerram o cronograma dos saques.

Confira o calendário completo logo abaixo:

  • 30 de maio (sábado) – nascidos em janeiro;
  • 01 de junho (segunda-feira) – nascidos em fevereiro;
  • 02 de junho (terça-feira) – nascidos em março;
  • 03 de junho (quarta-feira) – nascidos em abril;
  • 04 de junho (quinta-feira) – nascidos em maio;
  • 05 de junho (sexta-feira) – nascidos em junho;
  • 06 de junho (sábado) – nascidos em julho;
  • 08 de junho (segunda-feira) – nascidos em agosto;
  • 09 de junho (terça-feira) – nascidos em setembro;
  • 10 de junho (quarta-feira) – nascidos em outubro;
  • 12 de junho (quinta-feira) – nascidos em novembro; (A partir de hoje)
  • 13 de junho (sexta-feira) – nascidos em dezembro.

Lembrando que as datas se aplicam a quem já recebeu via aplicativo Caixa Tem a segunda parcela do auxílio de R$ 600,00. Inicialmente, o valor só poderia ser utilizado via cartão de débito virtual, no pagamento de contas e em transações diversas.

O prazo entre os depósitos e os saques foi criado com o objetivo de evitar a formação de filas e aglomerações nas portas das agências da Caixa. 

Terceira parcela do auxílio começa a ser paga no dia 17 de junho

Com o fim do cronograma de pagamento, o governo federal dará início aos depósitos referentes à terceira parcela do auxílio emergencial. Beneficiários do Bolsa Família começam a receber o dinheiro na próxima quarta-feira, 17.

Esse grupo segue o calendário regular de pagamento do programa, realizado nos dez últimos dias úteis de cada mês e de forma escalonada conforme o Número de Identificação Social (NIS).

Para o restante dos beneficiários, como os inscritos no Cadastro Único (CadÚnico), pelo site ou aplicativo da Caixa, não há ainda um calendário divulgado. Contudo, os pagamentos funcionarão assim como na segunda parcela, com datas para os assistidos pelo Bolsa Família, outro para depósito em conta poupança social e movimentação pelo app Caixa Tem e um último para saque em dinheiro e transferência.

De acordo com o banco, já foram pagos R$ 76,6 bilhões a 58,6 milhões de beneficiários. Além da liberação do calendário da terceira parcela, o governo também irá divulgar o calendário da segunda parcela para quem recebeu a primeira após o dia 30 de abril. 

Leia ainda: Auxílio de R$ 600: Alguns beneficiários não vão receber a 3ª parcela; Veja quem são!

Deixe uma resposta