Auxílio emergencial: Confira quem recebe o retroativo da 3ª parcela nesta sexta

0
99
Auxílio emergencial: Confira quem recebe o retroativo da 3ª parcela nesta sexta
Auxílio emergencial: Confira quem recebe o retroativo da 3ª parcela nesta sexta

Mais um grupo de beneficiários do auxílio emergencial será contemplado nesta sexta-feira, 11. Recebem o pagamento da 3ª parcela de R$ 600 aqueles que nasceram no mês de maio, e receberam a primeira parcela entre 16 e 17 de junho ou entre 27 de junho e 4 de julho.

O depósito será realizado na conta poupança social digital da Caixa. Vale lembrar que, neste primeiro momento, o dinheiro só está disponível para efetuar o pagamento de boletos ou fazer compras utilizando o cartão de débito virtual disponível no aplicativo Caixa Tem.

Aqueles que preferem fazer o saque em espécie ou transferir o valor para outra conta bancária terão que aguardar um pouco mais. Essas transações só serão liberadas a partir do dia 3 de outubro.

Confira a seguir o calendário completo de pagamento do auxílio emergencial:

Crédito em conta

  • 28 de agosto – Nascidos em janeiro
  • 2 de setembro – Nascidos em fevereiro
  • 4 de setembro – Nascidos em março
  • 9 de setembro – Nascidos em abril
  • 11 de setembro – Nascidos em maio
  • 16 de setembro – Nascidos em junho
  • 18 de setembro – Nascidos em julho
  • 23 de setembro – Nascidos em agosto
  • 25 de setembro – Nascidos em setembro
  • 28 de setembro – Nascidos em outubro
  • 28 de setembro – Nascidos em novembro
  • 30 de setembro – Nascidos em dezembro

Saque e transferência

  • 19 de setembro – Nascidos em janeiro
  • 22 de setembro – Nascidos em fevereiro
  • 29 de setembro – Nascidos em março
  • 1 de outubro – Nascidos em abril
  • 3 de outubro – Nascidos em maio
  • 6 de outubro – Nascidos em junho
  • 8 de outubro – Nascidos em julho
  • 13 de outubro – Nascidos em agosto
  • 15 de outubro – Nascidos em setembro
  • 20 de outubro – Nascidos em outubro
  • 22 de outubro – Nascidos em novembro
  • 27 de outubro – Nascidos em dezembro

Auxílio emergencial foi prorrogado até dezembro com novo valor

No início de setembro, o presidente Jair Bolsonaro confirmou a prorrogação do auxílio emergencial. Entretanto, para garantir a responsabilidade fiscal, o valor do benefício teve que ser reduzido.

Desta forma, serão depositadas mais quatro parcelas de R$ 300. No total, serão pagas nove parcelas, assegurando o pagamento do auxílio até dezembro. A prorrogação foi oficializada por Medida Provisória, que deverá ainda ser aprovada por deputados e senadores.

De acordo com o presidente, o valor parece pouco para quem recebe, mas custa muito para quem paga. Segundo cálculos da equipe econômica, o custo mensal do programa para o Governo Federal foi de cerca de R$ 50 bilhões na primeira etapa do auxílio emergencial.

O benefício é destinado a trabalhadores informais e autônomos, microempreendedores individuais (MEIs), desempregados e população de baixa renda em geral, como uma medida de enfrentamento da crise causada pela pandemia do coronavírus.

Leia também: Você pode não receber parcelas extras de R$ 300 do auxílio emergencial; Entenda o motivo