ASSSSINATO DE BANCÁRIO EM CG: “Matou porque segundo ele, ficou cego de ciúmes”, afirma delegado

0
47
Joan Edgley assassinou o namorado com 23 facadas – Foto: Reprodução

O autor do assassinato de João Victor Almeida, se apresentou na tarde desta segunda-feira (14), na Central de Polícia em Campina Grande/PB.

Joan Edgley, estava foragido desde a manhã do domingo (06), quando matou o seu namorado com 23 facadas, dentro do apartamento da vítima, no Centro da cidade.

Você já imaginou acertar 14 pontos com apenas 14 JOGOS na Lotofácil ?

Uma plataforma completa com inteligência artificial Que te GARANTE 14 e até 15 Pontos com apenas 14 Bilhetes.
Hoje você poderá se tornar um apostador PROFISSIONAL!

COMPRAR AGORA

ESTA OFERTA PODE SAIR DO AR A QUALQUER MOMENTO, APROVEITE!

Inclusive o repórter Márcio Rangel, mostrou com exclusividade no programa Correio Verdade, da TV Correio, o apartamento de João Victor e mostrou detalhes de todo o crime, com imagens e áudios que comprovam que a vítima queria se separar do acusado, por conta de problemas envolvendo ciúmes.

Já de acordo com o delegado de Homicídios, Francisco de Assis da Silva, o acusado contou em depoimento que matou o seu namorado por conta de ciúmes e que segundo ele, momentos antes de cometer o crime, pegou o celular de João e viu conversas dele com outro rapaz, logo após isso ele pegou a faca e o matou.

“Naquela manhã, foi ao banheiro e encontrou o celular dele lá, aí teve a curiosidade de olhar, por que o aparelho estava desbloqueado e viu que estava sendo traído, já tinha uma conversa do companheiro (vítima), com outra pessoa” disse o delegado em entrevista.

Joan Edgley se entregou na tarde desta segunda-feira (14) – Foto: Reprodução

Ainda de acordo com o delegado, Joan falou em depoimento que logo após ver as mensagens falou com o namorado e segundo ele, João Victor teria o humilhado, o que causou revolta do acusado que pegou a faca e desferiu os golpes contra a vítima.

O mandado de prisão de Joan, foi expedido pela justiça e ele foi levado para o Presídio do Serrotão, agora ele aguarda a audiência de custódia.

Por Tomás Magno

Veja mais:

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Blog do Márcio Rangel (@blogdomarciorangel)

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Blog do Márcio Rangel (@blogdomarciorangel)