Artesanato, forró e gastronomia marcam abertura da Feira Móvel do Produtor promovida pela Prefeitura

0
102

Artesanato, forró pé de serra, bolo de milho, pamonha, canjica, mungunzá, pudim de milho verde, flores ornamentais e até cocada de milho verde são só alguns dos produtos que estão sendo comercializados na Feira Móvel do Produtor. O evento, que é itinerante e vai até o dia 23, iniciou hoje no Ponto de Cem Réis e contou com a presença do vice-prefeito Léo Bezerra, do secretário de Desenvolvimento Urbano, Fábio Carneiro e do secretário executivo Ubaldo Pequeno. 

A Feira Móvel do Produtor, além do Centro da cidade, vai passar pelos bairros de Mangabeira, Tambaú e Bessa, em pontos estratégicos, levando o melhor da gastronomia regional, além de milho e artesanato. O objetivo do evento é potencializar a economia criativa na Capital, num cenário econômico ainda delicado para esses empreendedores. “Esse é o pensamento da Prefeitura de João Pessoa, fomentar a economia do nosso município. É um momento importante e não poderia deixar de me fazer presente. O prefeito Cícero está numa viagem administrativa e, infelizmente não pode comparecer, mas eu fiz questão de vir aqui, conferir, conversar com a população e, claro, ajudar também os comerciantes e artesãos da nossa cidade”, destacou Léo Bezerra.

Você já imaginou acertar 14 pontos com apenas 14 JOGOS na Lotofácil ?

Uma plataforma completa com inteligência artificial Que te GARANTE 14 e até 15 Pontos com apenas 14 Bilhetes.
Hoje você poderá se tornar um apostador PROFISSIONAL!

COMPRAR AGORA

ESTA OFERTA PODE SAIR DO AR A QUALQUER MOMENTO, APROVEITE!

Fátima Mendonça é artesã há 11 anos e mora no Bairro dos Novais. Para ela, a Feira Móvel do Produtor representa o renascimento da valorização de sua categoria. “Daria para chamar de ressurreição, porque após oito anos de esquecimento, a gente vê que essa gestão e essa equipe maravilhosa, estão valorizando os artesãos de João Pessoa. Afinal de contas, somos trabalhadores, pessoas criativas, seres humanos e agora a gente sente que estamos sendo valorizados. A única palavra é gratidão”, relatou emocionada.

A Feira é um marco da Sedurb no que diz respeito ao reordenamento urbano e ao reconhecimento do potencial econômico dos comerciantes da Capital. “A inovação do projeto, de levar os nossos agricultores familiares e artesãos para todos os recantos da cidade João Pessoa, nesse momento de pandemia é também uma questão de solidariedade com as pessoas, com esses trabalhadores. Trata-se de uma marca que estamos empreendendo na Sedurb na atual gestão, que de maneira humana e social, agora valoriza e fomenta o trabalho dessa categoria”, destacou Fábio Carneiro, secretário da Sedurb.

Por meio da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) o evento contará todos os dias com atrações culturais. Nesta quinta, na abertura, a animação da Feira ficou por conta do Trio Xoteando. A Gastronomia também está chamando atenção dos consumidores. Dona Maria do Carmo é uma das cozinheiras que está se destacando na Feira Móvel do Produtor. “Minhas cocadas são gourmet e feitas na hora. Trabalho com isso há 27 anos e agora vejo o reconhecimento do meu trabalho. Eu conquisto os consumidores com a variedade, tem de jaca, banana, macaxeira, milho verde, além dos sabores tradicionais”, explicou.

Programação – A Feira Móvel do Produtor vai até o dia 23. Nesta sexta-feira (18) ela permanece no Ponto de Cem Réis até às 15h. 

Dia 18 – Ponto de Cem Réis (Centro) – 7h às 15h

Dia 19 – Praça Cristo Rei (Mangabeira) – 7h às 15h

Dia 21 – Praça Desembargador Osias Nacre Gomes (Bessa) – 7h às 15h

Dia 22 – Mercado do Peixe (Tambaú) – a partir das 14h

Dia 23 – Parque Sólon de Lucena (Centro) – 7h às 17h