Ação conjunta das polícias civis prende em São Paulo dois investigados por homicídio em Sousa/PB

Foto: Reprodução

Uma ação conjunta da Polícia Civil da Paraíba e a Polícia Civil de São Paulo resultou na prisão de dois homens investigados pela morte de José Ramalho da Silva Filho, alvo de vários tiros no dia 30 de janeiro de 2021, no município de Sousa. A vítima foi socorrida para o Hospital de Trauma de Campina Grande, mas foi a óbito no dia seguinte ao crime.

Essas unidades policiais entraram em contato com a Polícia Civil de São Paulo, que, por meio do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (DOPE), foi até o local indicado pela Polícia Civil paraibana e prendeu os dois investigados. Os homens presos têm 22 e 23 anos de idade.

De acordo com a delegada seccional Alba Tânia, da 19ª DSPC, a ação rápida da Polícia Civil paulista foi fundamental para o êxito das prisões. “Foi uma troca de informações muito boa e que permitiu a prisão dos dois investigados ao mesmo tempo. Caso tivéssemos prendido apenas um deles, por exemplo, teríamos mais dificuldade de localizarmos o outro”, disse a delegada.

Apesar da fuga dos dois investigados para a região Sudeste, com o objetivo claro de se livrar da punição pelo crime cometido, a Polícia Civil elucidou o caso em pouco mais de 60 dias.

As polícias da Paraíba e de São Paulo aguardam as decisões judiciais que irão determinar a transferência dos dois investigados para a Paraíba.

de Ascom/Polícia Civil da Paraíba