A Samsung não abandonará o Tizen em favor da Android TV

0
125

A colaboração da empresa com o ´Wear OS´ chegou a gerar especulações sobre o futuro do sistema operativo das suas TVs. “O Tizen ainda irá ser no futuro a plataforma padrão para as nossas TVs inteligentes “, afirmou a Samsung.

O Tizen é um sistema operacitivo de código aberto baseado no Linux Kernel sendo desenvolvido pela Linux Foundation em parceria com a Samsung, Panasonic e Intel para funcionar em smartphones, tablets, smart TVs, netbooks, veículos e todos os outros tipos de sistemas.

Para a criação de aplicações, o Tizen facilita o desenvolvimentos de aplicações nativas, sem deixar de lado a flexibilidade do uso de HTML 5. Suas APIs têm o potencial para contemplar diversas plataformas, como exemplo, setores de comunicação, multimedia, câmara, rede e medias sociais, e está a ser utilizado atualmente em smartwatchs, como o Samsung Galaxy Gear 2, por exemplo.

Você que ama tudo sobre celular e sempre quis saber como consertar o seu próprio aparelho, vai descobrir agora,e sem sair de casa! Ficou interessado? Então clique no link abaixo e saiba mais.

Agora, sabe-se que a Google surpreendeu os fãs do Wear OS, já esta semana, quando anunciou que estava a trabalhar numa versão atualizada do sistema operativo com a ajuda da Samsung. Como parte da parceria, os futuros wearables da Samsung serão fornecidos com esse novo software em vez do Tizen, o seu sistema operativo smartwatch existente.

O anúncio gerou algumas especulações de que a empresa também pode eliminar o Tizen em favor do Android TV. Até aqui, nenhuma surpresa, pois a Samsung não tem mudanças drásticas planeadas. A empresa é uma das maiores e mais bem-sucedidas fabricantes no mercado, e o mercado de TV é muito diferente do mercado de wearables.

Para ´developers´ de aplicações e ISVs, o Tizen oferece o poder de desenvolvimento de aplicações nativas com a flexibilidade de suporte html5 sem paralelo.

O Tizen também oferece o potencial para os desenvolvedores de aplicações estenderem o seu alcance a novos “dispositivos inteligentes” que executam o Tizen, incluindo wearables, eletrónica de consumo (TVs, consolas de jogos, DVRs, etc.), carros e eletrodomésticos. Tamanho, qualidade de exibição e, acima de tudo, preço, desempenham o papel mais significativo nessas compras.

Fonte: Engadget

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões

Quer saber outras novidades? Veja em baixo as nossas Sugestões