A Dona do Pedaço: Maria da Paz presencia morte em novo embate entre famílias rivais

0
70
Maria da Paz (Juliana Paes) em A Dona do Pedaço (Foto: Reprodução/Globo)
Maria da Paz (Juliana Paes) em A Dona do Pedaço (Foto: Reprodução/Globo)

Maria da Paz acabará presenciando uma nova morte em A Dona do Pedaço e entrará em desespero

Em A Dona do Pedaço, novela da faixa das 21h da Rede Globo, Maria da Paz (Juliana Paes) presenciará uma nova morte após fazer uma nova reunião entre rivais.

Nos próximos capítulos de A Dona do Pedaço, novela escrita por Walcyr Carrasco, Maria da Paz fará uma nova reunião entre os Matheus e os Ramirez para acabar de vez com a guerra entre as famílias.

A reunião acontecerá no escritório da fábrica da boleira e contará com a presença de Amadeu (Marcos Palmeira) e Adão (César Ferrario) e Rael (Rafael Queiroz) representando os Matheus e Evelina (Nívea Maria), Chiclete (Sergio Guizé), Adão e Mão Santa (Guilherme Leicam) representando os Ramirez.

Veja Também: The Voice Brasil: Iza é colocada contra parede pelos jurados e é obrigada a entender regra

Veja Também: Felipe Dylon surge terrivelmente diferente e cantor é visto irreconhecível com inacreditável mudança

Veja Também: Verão 90: Falsa morte é descoberta e Jerônimo é pego pela polícia

“A gente veio aqui fazer um pacto”, começará Maria da Paz. “Eu e meu sobrinho viemos em paz”, dirá Amadeu. “Você já tentou fazer um pacto quando era moça, Maria da Paz. Acabou em mais morte. Passei a vida toda querendo acabar com a raça dos Matheus. Só assim, nós que somos Ramirez vamos ter tranquilidade”, falará Adão.

“Eu e a Maria da Paz queremos acabar com essa guerra faz tanto tempo. Adão, se me dá um tiro a guerra começa de novo”, dirá Amadeu. “Eu acabo com você, que é o chefe dos Matheus. E depois com esse aqui, que é seu sobrinho. Já rezou, Amadeu? Se não rezou, pede depressa perdão dos seus pecados, porque é agora que cê vai partir”, disparará o primo de Maria da Paz em A Dona do Pedaço.

“Eu morro de cabeça erguida, porque quem está faltando com o combinado é você”, enfrentará Amadeu. “Morre não”, falará Rael, que pegará a sua arma. Chiclete não perderá tempo e pegará a sua arma. “Nem tenta. Meu pai não. Ele tá livre, não jurou nada. Pode abater vocês. Tá fazendo bonito, pai. Vai acabar com os Matheus”, dirá o namorado de Vivi Guedes (Paolla Oliveira).

Maria da Paz interromperá e irá confrontar Adão. “Não vai matar o Amadeu. Se é pra atirar, atira em mim primeiro”, dirá ela. “Sai da frente, Maria da Paz”, falará ele. “Minha filha, sai daí. Pode levar um tiro”, pedirá Evelina, desesperada.

Veja Também: Alcione quebra todos protocolos e surge irritada detonando Bolsonaro: “o senhor tem medo de facada”

“O Amadeu ligou pra mim, eu aceitei. Eu marquei a reunião, chamei todo mundo. Não era pra montar uma armadilha pro Amadeu”, falará a mãe de Josiane (Agatha Moreira). “Eu não preciso me esconder atrás de mulher”, dirá Amadeu, também revoltado.

“Eu dei minha palavra. Atira, Adão, mas atira em mim. Me mata primeiro. Eu não posso deixar cê atirar no Amadeu… Não, no Amadeu nunca”, dirá ela. “É questão de justiça. Cês vieram por conta da minha palavra. Se é pra alguém morrer pela traição, sou eu”, completará a boleira.

“Não me chama de traidor”, falará Adão. “Atira, atira em mim antes de atirar no Amadeu”, desafiará a protagonista. “Atiro”, decidirá Adão. “Não!”, gritará Evelina, aos prantos. “Eu acabo com você, Maria da Paz… Só por conta de proteger o Amadeu. Vai…”, ameaçará ele, que começará a tremer antes de terminar de falar. “Vai pro inferno”, dirá Adão, que terá um ataque cardíaco. Ele morrerá antes mesmo de conseguir chegar ao hospital.

César Ferrario vive o personagem Adão na novela A Dona do Pedaço, na Globo. (Foto: Divulgação)

 

Veja as últimas noticias sobre TV & Fama